• Os Puritanos

História de Harvard



Harvard

História de Harvard – Alicerce Puritano

A história da Universidade de Harvard começa em 1630, quando os Puritanos se estabeleceram em Boston e imediatamente fizeram planos para o estabelecimento de uma escola, ou faculdade, para treinar os ministros do evangelho. A universidade de Harvard teve início, oficialmente, em 1636 e adotou o texto de João 17:3 como o seu objetivo principal: “E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste” (versão Almeida Revista e Atualizada – ARA).

Até os dias de hoje, o verdadeiro objetivo e história de Harvard está gravado em pedra: “[Uma] das coisas pelas quais ansiamos e buscamos é o avanço do aprendizado e a sua perpetuação para a posteridade; temendo fornecer um ministério iletrado para as igrejas, quando nossos ministros atuais voltarem para o pó”[1].

História de Harvard – Ensinando a Verdade

A história da Universidade de Harvard é fundamentada em um dos seus primeiros mantenedores, o Reverendo John Harvard. Ele doou livros e recursos financeiros para a fundação da nova escola Puritana na região de Boston, porém acabou morrendo precocemente de tuberculose. Até os dias de hoje, existe uma grande estátua do Rev. Harvard no campus desta escola, onde ele está sentado com um grande livro aberto em seu colo. Trata-se, obviamente, da Bíblia. O lema ou “motto” original de Harvard foi: “Verdade para Cristo e a Igreja” (“Veritas Christo et Ecclesiae”, em latim). No século XX, quando a Universidade de Harvard se tornou mais secularizada, eles retiraram a parte final da frase, e então o “motto” passou a ser somente “Verdade” (“Veritas”, em latim). Com certeza, não foi o secularismo que produziu a Universidade de Harvard, mas foi o Cristianismo.

História de Harvard – O Objetivo da Educação Superior

A história da Universidade de Harvard continua com as “Leis da Escola de Harvard”, de 1642 (proveniente dos “Primeiros Frutos da Nova Inglaterra”). Eles citaram alguns textos das Escrituras, para mostrar que o objetivo de tudo o que estudavam era: “para conhecer melhor a Deus”. Por exemplo:

2. Deixar cada estudante ser plenamente instruído e seriamente exortado a considerar bem o propósito principal da sua vida, e que os estudos são para conhecer a Deus e a Jesus Cristo, que é a vida eterna (João 17:3)… E vendo que apenas o Senhor concede sabedoria, que todos se coloquem em oração particular para buscar por Ele (Provérbios 2:3).

3. Todos devem se exercitar na leitura das Escrituras duas vezes por dia, para estarem prontos a fornecer um relato de sua proficiência nelas, tanto em observações teóricas da linguagem e da lógica, quanto nas verdades práticas e espirituais, conforme o seus tutores devem exigir, de acordo com a sua habilidade; observando que a revelação da palavra fornece luz e dá entendimento aos simples (Salmos 119:130)[2].

História de Harvard – Raízes Cristãs, Futuro Secular

A verdadeira história da Universidade de Harvard é Cristã. Na verdade, Harvard foi essencialmente Cristã durante mais tempo do que ela tem sido secular. Ainda há algum Cristianismo presente, mas não é a força dominante de forma alguma. Contudo, novamente, não foi o secularismo que produziu esta grande instituição, mas foi a religião de Jesus.

Aprenda mais!

_________________

Editado com a permissão de “The Book that Made America Great: How the Bible Formed Our Nation, Jerry Newcombe (Nordskog Publishing, 2009)”. Com os cumprimentos de Jerry Newcomb. Todos os direitos reservados no original. (http://www.allabouthistory.org/history-of-harvard.htm)

[1] Paul Lee Tan, Encyclopedia of 7,700 Illustrations: Signs of the Times (Rockville, MD: Assurance Publishers, 1984), 158.

[2] “New England’s First Fruits,” 1642, in The Annals of America (Chicago et al.: Encyclopedia Britannica, 1976), 1:176.

#Harvard #HistóriadeHarvard #UniversidadedeHarvard #OsPuritanoseaUniversidadedeHarvard

1,835 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo